REPORTAGEM – Ato dos povos indígenas contra o PL 490/2007

Assista a REPORTAGEM ao final desta matéria.

No dia 30 de junho de 2021, a Presidente da Associação Indígena Aldeia Maracanã (AIAM), Marize Guarani, e o Presidente do Conselho Estadual dos Direitos Indígenas – CEDIND, Cacique Carlos Tukano (nome original: Doethyrô), lideraram um ato público, em frente à Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro para protestar contra o Projeto de Lei 490/2007.

Projeto de Lei 490/2007 altera a Lei da demarcação de terras indígenas e determina que só serão aceitas como terras indígenas aquelas que eram habitadas pelos povos indígenas até a data da promulgação da Constituição Federal de outubro de 1988.